quinta-feira, 3 de novembro de 2011

RETIRANDO SENHA DO SETUP


Às vezes, quando compramos um micro, ele vem com algumas configurações de fabrica, encontramos algumas dificuldades como acessar o setup.
Para acessar o SETUP é necessário uma senha, que muitas vezes não temos.
A intenção dos técnicos até que é boa, fazem isso para não permitir que usuários leigos e inexperientes mudem as configurações do micro; podendo assim ocasionar erros como:

-Erro em inicializações
-Freqüências erradas
-Má configuração de dispositivos

Antes mesmo de fazer  cursos de Hardware, comecei a formatar computadores de vizinhos e amigos, porem muitas vezes eu precaisava entrar no setup do micro para configurar o BOOT, e quando menos se esperava, o mesmo estava protegido por senha, que muitas vezes nem o proprietário sabia.
Depois de pesquisar muito na net, encontrei várias formas de retirar a senha do SETUP. Dentre elas, as que eu mais uso são essas:  Via Hardware e Via Software, veja a seguir.

Modo Hardware
1. Abra o gabinete, tomando os devidos cuidados.
2. Procure na placa mãe uma bateria, igual às usadas em relógios (geralmente redondinhas).
3. Retire a bateria da placa mãe
4. Ligue o computador (provavelmente não ira ligar)
5. Desligue-o novamente
6. Recoloque a bateria e ligue-o novamente
7. O setup deverá estar sem senha.


Modo Software
1. Durante o carregamento do Sistema (Windows, Linux) pressione F8
2. No menu que aparece, selecione somente a linha de comando.
3. No Prompt do MS-DOS digite:
4. Debug (tecle enter)
5. o 70 2e (tecle enter)
6. o 71 ff (tecle enter)
7. q (tecle enter)

Agora o SETUP devera estar sem senha.
Vale à pena lembrar que sempre temos de informar o proprietário da máquina quando algo mais relevante será realizado como: troca de dispositivos, alteração de configurações mais técnicas e trocas e/ou quebrar de senhas. Mesmo quando o proprietário é um usuário mais leigo, devemos explicar claramente o que vamos fazer, e por que estamos fazendo, evitando assim futuros problemas, ressaltando também que o ideal seria a assinatura de um contrato de prestação de serviço, protegendo ambas as partes.

OUTRA FORMA

Abra o Executar > Em seguida digite cmd
Depois de ter aberto o prompt de comando,
>digite debug
> em seguida :
o 70 17 ( e dê um Enter )
o 71 17 ( e dê um Enter )
q ( e dê um Enter para sair do DEBUG )

COMO REPARAR QUALQUER ERRO DE BOOT



1. Inicie o PC colocando o CD do Windows XP. Você poderá ter de modificar o arranque na BIOS, para que arranque pelo CD. Para isso pressiona "F10" ou "F11"
2. Quando vires o ecrã de "Bem-Vindo á instalação", Verás varias opções.
Para instalar o Windows XP agora, prime ENTER.

Para reparar a instalação do Windows XP usando a Consola de Recuperação, Prime "R" (ou F10).

Para sair da instalação do Windows XP,prime "F3".
Se tiver Dual-Boot deverá ter mais que um numero no ecrã, por isso clique no número em que o teu Windows Xp se encontra.
Na Password administrativa se por acaso na instalação colocas-te a branco deverás colocar a password. No caso de ter password na sua conta, deixa em branco e clica apenas em "Enter"

Espere uns segundos para que apareça: C:\>, ou algo parecido.

Escreve:
FixBoot - Prime Y -> Repara o Boot!
Exit

ChkDsk /f Clica Enter -> Procura por erros no PC e possíveis ficheiros em falta e repara-os!
Exit

Nota: Deixe o ChkDSK estar a fazer o Scan no Computador, ele pode ir até aos 75% e voltar aos 50%, mas deixe continuar.

/P -> Efectua uma verificação exaustiva e corrige quaisquer erros.
/R -> Localiza sectores danificados e recupera informações legíveis.

Se por acaso o que está descrito acima não resolveu, então tente o seguinte:

copy c:\windows\repair\system c:\windows\system32\config
exit

Caso continue a não dar para carregar o arranque tente:
Troque X pela letra da tua drive de CD's ou DVD's.

COPY X:\i386\NTLDR C:\
COPY X:\i386\NTDETECT.COM C:\

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

TECLAS DE ATALHO PARA O MICROSOFT WORD 2003


Para quem sempre digita trabalhos, documentos, tabelas etc. não pode deixar de usar muitos desses atalhos abaixo relacionados.

Formatando Caracteres:
Ctrl+D - Abre caixa de diálogo de "Formatar Fonte"
Ctrl+I - Texto selecionado em Itálico
Ctrl+N - Texto selecionado em Negrito
Ctrl+S - Texto selecionado Sublinhado (inclusive espaços)
Ctrl+Espaço  - Restaura formato padrão no texto selecionado
Ctrl+= - Texto selecionado em 'Subscrtito'
Ctrl+Shift++ - Texto selecionado em 'Sobrescrtito'
Ctrl+] - Aumenta 1 ponto no tamanho do fonte do texto selecionado
Ctrl+[ - Diminui 1 ponto no tamanho do fonte do texto selecionado
Ctrl+Shift+A - Passa texto selecionado para Maiúsculas
Ctrl+Shift+C - Copia o formato do texto selecionado
Ctrl+Shift+F - Altera o fonte do texto selecionado
Ctrl+Shift+H - Oculta o texto selecionado
Ctrl+Shift+K - Texto selevionado em versalete
Ctrl+Shift+P - Altera o tamanho do fonte do texto selecionado
Ctrl+Shift+Q - Substitui fontes do texto selecionado por 'símbolos'
Ctrl+Shift+V - Aplica o formato previamente copiado ao texto selecionado
Ctrl+Shift+W - Sublinha apenas as palavras (espaços não)
Shift+F3 - Altera o fonte do texto selecionaco (abc > Abc > ABC)

Formatando Textos:
Ctrl+E - Centraliza parágrafo
Ctrl+J - Justifica parágrafo
Ctrl+M - Aumenta recuo da margem
Ctrl+Q - Remove formatação do parágrafo
Ctrl+T - Seleciona todo o texto do documento
Ctrl+0 - Insere linha antes do parágrafo
Ctrl+1 - Aplica espaço 1 entre linhas
Ctrl+2 - Aplica espaço 2 entre linhas
Ctrl+5 - Aplica espaço 1,5 entre linhas
Ctrl+Enter - Insere quebra de página
Ctrl+Shift+Enter - Insere quebra de seção
Shift+Enter - Insere quebra de linha
Ctrl+Hífen - Insere hífen oculto para quebra em fim de linha
Ctrl+Shift+Hífen - Insere hífen visível que não permite quebra em fim de linha
Ctrl+Shift+Espaço - Insere espaço que não permite quebra em fim de linha

Copiando, excluindo ou movendo texto:
Ctrl+C - Copia para o 'clipboard' o texto selecionado
Ctrl+V - Cola conteúdo do 'clipboard' no ponto de inserção
Ctrl+X - Remove para o 'clipboard' o texto selecionado
F2 - Move texto selecionado para o ponto de inserção, ao clicar-se o "Enter"
Shift+F2 - Copia texto selecionado para o ponto de inserção, ao clicar-se o "Enter"

Caracteres especiais:
Ctrl+Alt+- - Insere traço longo (use o "-" do teclado numérico)
Ctrl+- - Insere traço curto (use o "-" do teclado numérico)
Ctrl+Alt+C - Insere símbolo de 'copyright'
Ctrl+Alt+R - Insere símbolo de 'marca registrada'
Ctrl+Alt+ponto - Insere reticências
Trabalhando com arquivos:
Ctrl+A - Abre caixa de diálogo de "Abrir arquivo"
Ctrl+B - Salva o arquivo presente
F12 - Abre caixa de diálogo de "Salvar como"
Ctrl+O - Abre um novo documento
Ctrl+P - Imprime arquivo
Ctrl+W - Fecha arquivo presente

Funções especiais:
Alt+Ctrl+S - Divide janela de edição em 2 painéis
Alt+Shift+C - Remove a divisão da janela
Ctrl+L - Abre caixa de diálogo "Localizar"
Ctrl+U - Abre caixa de diálogo "Substituir"
Ctrl+Y - Abre caixa de diálogo "Ir Para"
F5 - Idem
F4 - Repete a última ação
Ctrl+Z - Desfaz a última ação
Shift+F4 - Repete última ação na caixa de diálogo "Localizar, Substituir, Ir Para"
Shift+F5 - Move o ponto de inserção para a última alteração
F7 - Abre caixa de diálogo de "Verificar Ortografia"
Shift+F7 - Abre caixa de diálogo do "Dicionário de Sinônimos"

COMO RETIRAR VIRUS MANUALMENTE (SEM USAR ANTI-VIRUS)


1o PASSO Vá em INICIAR, EXECUTAR e escreva REGEDIT.
2 o PASSO: Clique no “+” da pasta HKEY_LOCAL_MACHINE.
3 o PASSO: Clique no “+” da pasta SOFTWARE.
4 o PASSO: Clique no “+” da pasta MICROSOFT.
5 o PASSO: Clique no “+” da pasta WINDOWS.
6 o PASSO: Clique no “+” da pasta CURRENTVERSION.
7 o PASSO: Agora não clique no “+” e sim na pasta RUN. Procure algum arquivo que tenha 3 letras maiúsculas seguindo com .exe e se possuir delete.
Todos que terminarem com “.exe” são vírus, pode deletar a vontade!




PC REINICIANDO SOZINHO

Existem casos em que o computador fica reiniciando sozinho. Você está navegando, digitando ou fazendo outra coisa importante e de repente o PC reinicia. Em alguns casos o PC faz isso freqüentemente. Para resolver esse problema vai aqui uma ótima dica.

Se for Windows XP ou 2000 desliga p shutdown dele. Clique com o botão direito do mouse no ícone “Meu computador”, escolha “Propriedades”. Depois clique na guia “Avançado”, e então no botão “Inicialização e recuperação”. Desmarque o item “Reiniciar automaticamente”. Aplique e feche as caixas de diálogo abertas, depois reinicie o computador (Iniciar, Desligar, Reiniciar).

MANUTENÇÃO NO MOUSE


Alguns modelos de mouse são tão baratos que dá vontade de trocar por um novo, outros são tão caros que rezamos para conseguir consertá-los. Mesmo no caso de um mouse barato, podemos passar por situações em que o conserto é necessário. Digamos que você esteja navegando pela Internet em plena madrugada e o mouse fique travado no eixo X. Você provavelmente não vai querer ficar operando só pelo teclado, e nem vai querer esperar até o dia seguinte para comprar um mouse novo. Pelo menos os primeiros socorros você tem que tentar.

PRIMEIROS SOCORROS
A sujeira é a principal causadora de problemas no mouse. Tanto a esfera como os roletes podem ficar impregnados com um aglomerado de partículas de poeira e pequenos pêlos que caem de tecidos, ou até mesmo pêlos humanos. Vejamos o que pode ser feito:

Limpeza da esfera – Quando a esfera está suja, os movimentos do mouse serão erráticos, o seu cursor dará saltos na tela. Abra a parte inferior do mouse e retire a sua esfera. Lave-a com água morna. Se quiser pode usar algum tipo de sabão neu­tro. Não lave a esfera com detergentes fortes, nem aqueles com amoníaco.

Limpeza dos roletes – Roletes sujos fazem com que o cursor do mouse dê saltos na tela, como se quisesse desobedecer os movimentos do mouse sobre a mesa. O mouse tem três pequenos roletes que tangenciam a esfera. Esses roletes podem ficar im­pregnados com sujeira. Podemos removê-la usando uma pinça. Observe que para limpar os roletes, não é preciso desmontar o mouse. Basta abrir o compartimento da esfera e já tere­mos acesso aos roletes. Limpe-os periodicamente, e mantenha limpo o local onde o mouse desliza.

Figura 1. Roletes do mouse. Observe a sujeira acumulada nos pontos indicados. Veja no detalhe quanta sujeira no rolete!

Travamento de eixo – Quando um eixo está travado, o cursor do mouse pode ter seus movimentos inativos no eixo correspondente. Este problema ocorre quando fios de cabelo prendem o eixo responsável pelos movimentos X ou Y. Em cada eixo existe uma pequena roda dentada que passa por sensores óticos. Fios de cabelo prendem nessas rodas com facilidade, travando seus movimentos. Deve­mos utilizar uma pequena tesoura e uma pinça para removê-los.

Figura 2. Rodas dentadas e sensores óticos de um mouse. A seta indica um dos sensores. No detalhe vemos de um lado da roda um emissor, do outro o sensor.

Limpeza dos sensores óticos – Sujeira nesses sensores também faz com que os mo­vimentos fiquem paralisados em um ou nos dois sentidos. Existem sensores óticos acoplados às rodas dentadas dos eixos X e Y. Sujeira pode obstruir esses sensores, e uma limpeza resolverá o problema. Usamos um pincel ou um aspirador para re­mover a poeira, e depois aplicamos spray limpador de contatos. Um cotonete com álcool isopropílico também pode ser usado.

Mau contato nos botões – Quando isto ocorre, os cliques do mouse não funciona­rão corretamente. Será preciso clicar duas ou mais vezes até funcionar. Abra o mouse e aplique spray limpador de contatos nos seus botões. Espere secar e verifi­que se o problema ficou resolvido.

DEFEITOS MAIS COMPLICADOS
O mouse pode apresentar alguns defeitos mais difíceis de resolver, já que necessitarão de soldagem. Um deles é o mau contato no cabo. O mesmo podemos dizer sobre o mau contato nos botões. Quando a aplicação de spray não resolve o problema, podemos experimentar fazer um transplante de botões. Quase todos os modelos de mouse possuem três botões, sendo que o botão do meio em geral não é usado. Podemos substituir o botão problemático pelo botão do meio, o que requer solda, ferro de soldar, sugador de solda e paciência.

Figura 3. O botão do meio pode ser colocado no lugar de um botão defeituoso.

MANUTENÇÃO DO TECLADO


A sujeira é também uma grande causadora de problemas no teclado. Não só a poeira, mas vários tipos de pequenos objetos podem cair no seu interior, causando problemas.
Primeiros socorros para o teclado

Limpeza geral - O teclado tem uma tendência muito grande de acumular no seu interior, não apenas poeira, mas coisas que você nem imagina. Por exemplo, se você usa barba é possível que dentro do seu teclado exista uma grande quantidade de fios de barba. Também, podemos encontrar insetos mortos, farelos de biscoito, pontas de lápis, farelos de borracha, fios de cabelo, fios de pestanas e sobrancelhas, pedacinhos de papel, grafite de lapiseira, alfinetes...

Abra o teclado removendo os parafusos da sua parte inferior, dando acesso à parte eletrônica. Em muitos teclados você encontrará uma grande placa de circuito impresso onde ficam presas as teclas. Em outros teclados a placa de cir­cuito é pequena, e existem painéis plásticos nos quais existem condutores flexíveis que ligam cada tecla ao circuito eletrônico do teclado. Em alguns teclados a placa de circuito fica aparafusada internamente à tampa inferior. Esses parafusos devem ser também retirados. As tampas do teclado devem ser limpas com perfex. As te­clas devem ser removidas, uma a uma. Para soltar uma tecla basta puxá-la para cima.

Com uma trincha limpamos toda a sujeira existente entre as teclas. Feito isso, podemos usar também o aspirador de pó. As teclas podem ser limpas individualmente, usando uma escova de dentes ou escova de unhas, água e sabão ou detergente neutro.

 Figura 1. Sujeira no interior de um teclado, depois de retiradas as teclas.

Colocamos novamente as teclas em seus lugares. Para encaixar uma tecla basta apertá-la levemente. A seguir o teclado pode ser fechado e aparafusado.

Tecla com mau contato – Alguns teclados possuem sob suas teclas, pequenos ca­pacitores variáveis sobre uma membrana plástica. Dificilmente apresentam proble­mas, e limpeza com um pano úmido é tudo o que esses teclados requerem.

 Figura 2. Peças plásticas com os dielétricos dos capacitores.

A figura 3 mostra como são formados esses capacitores. As trilhas de circuito da placa formam os terminais do capacitor. Sobre cada um desses circuitos fica apoi­ada uma pequena peça plástica que se move conforme a tecla é pressionada. Nessa peça plástica existe um material que funciona como dielétrico. Quando este material se aproxima do circuito da placa, causa uma variação de capacitância, que é refletida na forma de um pulso de corrente que indica ao microprocessador do teclado que aquela tecla foi pressionada.

 Figura 3. Placa de circuito do teclado.

Deixe a placa de circuito (figura 3) bem limpa. Use um pano úmido nesta limpeza. Você também pode usar spray limpador de contatos. Se uma tecla estiver falhando, possivelmente melhorará com a limpeza. Se não melhorar, faça a troca da sua peça plástica, utilizando a peça de uma tecla que não seja usada. Muitos teclados possuem, ao invés de uma placa de circuito, três membranas plásti­cas sobre a qual são depositadas trilhas de circuito impresso flexível. Limpe essas membranas com muito cuidado, usando um pano úmido.

Existem teclados que possuem sob cada tecla, pequenas cápsulas que funcionam como capacitores variáveis, mas cujo dielétrico é formado por espuma plástica ou mesmo por peças plásticas como as da figura 4. Sujeira no interior dessas cápsulas pode alterar as propriedades desse dielétrico, fazendo com que a tecla fique com “mau contato”.

 Figura 4. Cápsulas capacitivas de um teclado.

Em alguns casos pressionamos a tecla e nenhum caracter é gerado. Em outros casos pressionamos a tecla e dois, três ou até mais caracteres iguais são gerados. Quando isso ocorre devemos tentar recuperar a tecla usando spray limpador de contatos. Usando o pequeno tubo plástico que acompanha este tipo de spray, faze­mos a aplicação no interior da cápsula (figura 5) e a seguir pressionamos a tecla várias vezes (claro, com o computador desligado) para tentar dissolver a sujeira. É preciso deixar o spray secar, o que pode levar uma hora, já que a cápsula é fe­chada. Se isto não resolver, teremos que fazer um transplante de teclas.

 Figura 5. Aplicando spray no interior de uma cápsula.

PROBLEMAS MAIS COMPLICADOS COM O TECLADO
Alguns problemas no teclado são mais complicados, requerendo soldagem, bas­tante tempo disponível e paciência.

Problemas no cabo – O cabo do teclado pode partir por excesso de manuseio. Temos então que fazer o reparo do cabo, ou então tentar a sua substituição.

Tecla com mau contato ou inoperante – Quando mesmo depois da limpeza a tecla continua com problemas, a solução é substituir a cápsula. A melhor coisa a fazer é usar a cápsula de uma tecla do próprio teclado que estamos tentando consertar. Certas teclas são pouquíssimo utilizadas, algumas nunca chegam a ser pressionadas, como por exemplo:

    Scroll Lock
    Alt na parte direita do teclado
    Control na parte direita do teclado

Podemos retirar a cápsula de uma delas e soldar no lugar da cápsula pro­blemática. Apenas por questões de estética, podemos colocar a cápsula defeituosa no lugar da cápsula doadora.

domingo, 16 de outubro de 2011

COMO FAZER MANUTENÇÃO PREVENTIVA NO PC

PASSO A PASSO
Utilize uma mesa de tamanho médio;
É melhor fazer em pé, assim tem-se maior liberdade de movimentos;
O local deve ser bem iluminado.

Os materiais necessários são:
Chave modelo Phillips;
Pincel com cerdas finas (pode ser um pincel de pintura);
Pasta térmica (vendida em lojas de informática);
Pano ou papel toalha para limpeza;
Borracha escolar branca;
Ventilador;
Chave de fenda (opcional);

1o Passo: Abrindo o computador
Desconecte todos os cabos do computador (mouse, teclado, monitor, energia, rede, telefone, impressora, etc).
Abra o gabinete do computador, retirando os parafusos traseiros e depois a tampa metálica.
Guarde os parafusos juntamente com a tampa metálica em um local que não atrapalhe o serviço.

2o Passo: Retirando os componentes do computador
Posicione o gabinete de maneira que você tenha acesso fácil ao seu interior. De preferência deitado.
Desconecte todos os cabos que prendem os componentes à placa-mãe, tais como HD, disquete, CD/DVD; e os que ligam a fonte de alimentação aos componentes. Se precisar, identifique cada cabo através de etiquetas ou desenhe um "mapa" para saber onde cada cabo estava conectado.
Comece retirando os componentes de acesso mais fácil, lembrando de guardar os parafusos que os prendem, tendo cuidado para não derrubar nenhum deles ou danificá-los com a chave de fenda ou Phillips. Também procure não tocar nos circuitos, procure manuseá-los pelas bordas.
Tenha um cuidado especial com o HD e com os pentes de memória. O HD não deve sofrer nenhum impacto e os pentes de memória devem ser acondicionados em suas embalagens próprias ou em folhas de papel.
Não é preciso retirar a placa-mãe, pois esta pode receber manutenção diretamente no gabinete, além de ser um componente de difícil retirada.
Retirar a fonte de alimentação.

3o Passo: Retirando e limpando o processador
Desprenda o cooler (dissipador, ventilador ou ventoinha) do processador (cada modelo tem um tipo específico de acoplamento, porém, geralmente é feito através de presilhas).
Retire o processador (geralmente levantando uma alavanca de plástico ao lado do processador, sacando-o do slot, em seguida).
Limpe com o pano de limpeza ou toalhas de papel a pasta branca que existe no processador e no dissipador de calor (a parte metálica que saiu junto com o cooler).
Limpe o processador, o dissipador de calor e o cooler, com o pincel com cuidado para não entortar os pinos do processador.
Lubrifique o cooler com o pó de grafite ou óleo, porém não exagere na quantidade (não pode escorrer).
Insira o processador no seu slot sem utilizar força (o processador encaixa-se sem a necessidade de pressão). Observe que existe somente uma posição para encaixe.
Coloque a alavanca que prende o processador na posição normal.
Coloque um pouco de pasta térmica em cima do processador a fim de substituir a que você retirou (não exagere).
Monte sobre o processador o conjunto dissipador de calor e cooler.

4o Passo: Limpando os componentes
Comece retirando o pó do gabinete e da placa-mãe com o pincel e com o ventilador. O ventilador serve para auxiliar a retirada do pó de dentro (pode ser utilizado em conjunto com o pincel, ou primeiro um, depois o outro).
Limpe cada componente apenas com o pincel, para retirar o pó. Para aqueles que possuem circuitos de conexão com os slots do computador (slots são os encaixes onde se conectam as placas e as memórias), limpe os contatos das placas e da memória (a parte onde se encaixa com o slot) com a borracha branca, de forma suave e depois retire os resíduos com o pincel.
Se conseguir abrir a fonte facilmente, ligue o ventilador em direção à fonte enquanto passa o pincel.

5o Passo: Finalizando a manutenção
Após limpar cada um dos componentes, reinstale tudo de volta e feche o gabinete.
Conecte os cabos do monitor, impressora, mouse, teclado, etc.
Ligue o computador e veja se tudo correu bem.

Valeu!!

sábado, 15 de outubro de 2011

VLC MEDIA PLAYER

É muito chato quando baixamos um vídeo interessante na internet e o PC não consegue reproduzir, ou seja, o PC não tem instalado um player que leia aquele vídeo.
Navegando pela internet, me interessei por um programa chamado VLC Media Player. Além de ser compatível com diversos formatos, o VLC reproduz até arquivos corrompidos
O VLC Media Player agora possui mais de mil de canais web integrados com o programa. O usuário pode assistir a um grande número de programas de TV e ouvir músicas sem precisar baixar, basta apenas carregar no próprio VLC.
Para isso, basta usar o atalho Ctrl + L para exibir a lista de reprodução e então expandir a guia “Internet” para visualizar os canais disponíveis.
Além disso, a versão 1.1.5 do VLC Media Player trouxe ao programa a capacidade de reproduzir arquivos no novo formato WebM, um tipo de vídeo livre cujo desenvolvimento é patrocinado pela Google e que já recebeu apoio dos desenvolvedores dos navegadores Opera e Firefox.
Eu gostei desse player, principalmente pelo motivo de tocar praticamente tudo, inclusive arquivo corrompido. É muito chato ter que procurar na net um programa que leia determinado vídeo.
Existem vídeos que reproduzem em determinado programa e outros vídeos só em outros programas diferentes. Então, é melhor um só programa que reproduza todos os tipos de vídeo, para não termos que instalar tantos programas no PC.

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

COMO DESLIGAR BLOQUEADORES DE POP-UPS

Em alguns casos, os usuários podem ter problemas ao importar os contatos do Facebook devido a interferência de algum bloqueador de pop-ups que esteja sendo executado como uma parte do navegador. Para evitar esse problema, tente desativar qualquer bloqueador de pop-ups que esteja sendo executado no seu computador. Depois, tente importar seus contatos do Facebook novamente.
Os bloqueadores de pop-ups podem estar sendo executados como parte do seu navegador da web, Firewall ou até mesmo pela barra de ferramentas. Provavelmente, você só precisará desativar temporariamente seu bloqueador de pop-ups ao importar seus contatos do Facebook. Assim que a importação for concluída, você deve reativar seu bloqueador de pop-ups.

Para ativar e desativar o bloqueador de pop-ups no Internet Explorer 8, faça o seguinte:
No Internet Explorer 8, clique em Ferramentas nas opções do menu e selecione Opções da Internet.
Clique na aba Privacidade na parte superior da janela "Opções da Internet".
Na opção "Bloqueador de Pop-ups", remova a marca de seleção ao lado de Ativar Bloqueador de Pop-ups.
Clique no botão OK na parte inferior da janela.

Para ativar e desativar o bloqueador de pop-ups no Mozilla Firefox, faça o seguinte:
No Mozila Firefox, clique no menu Ferramentas e selecione Opções.
Clique na aba Conteúdo na parte superior da janela "Opções".
Em seguida, remova a marcação na opção Bloquear janelas popup.
Clique no botão OK na parte inferior da janela.

Além disso, se estiver executando o Yahoo! Toolbar, certifique-se de que o bloqueador de pop-ups do Yahoo! Toolbar esteja desativado.

Clique no botão Bloqueador de pop-ups no seu Yahoo! Toolbar.
No menu que aparecerá, selecione Ativar bloqueador de pop-ups. Uma marca de seleção aparecerá antes dessa seleção se o bloqueador de pop-ups já estiver ativado. Remova a marca de seleção para desabilitar seu bloqueador de pop-ups.

Observe que outras barras de ferramentas ou software do Firewall também podem ter bloqueadores de pop-ups ativados. Se você ainda estiver com problemas, pode ser necessário entrar em contato com o fornecedor do software para descobrir como desabilitar esse bloqueador de pop-ups específico do fornecedor.

domingo, 2 de outubro de 2011

PC DEMORA PARA INICIAR POR COMPLETO

Muitas pessoas sofrem de um problema extremamente comum que é a lentidão ao ligar o PC, geralmente isso acontece com computadores que tem muitos programas instalados, quando o PC é ligado ele passa pelo boot, que é uma espécie de identificação de todos os hardwares do PC, após isso acontecer - acontece de forma bem rápida, quase instantânea em algumas máquinas - o sistema operacional irá iniciar, no XP aparece aquela tela azul dizendo: "Seja Bem Vindo" e muitas vezes demora bastante nessa parte e depois que a área de trabalho aparece continua aquela lentidão toda, isso acontece devido o início de vários programas juntamente com o SO, alguns bem comuns são: o Nero, o Daemon Tools, algumas versões do Winrar, algumas versões do Power DVD e um monte de outros programas, mas junto com esses vem também os importantes como os drivers da máquina, só que somando tudo isso ao mesmo tempo a máquina demora muito para iniciar todos os processos. Esses programas não podem ser excluídos porque são usados diariamente pelo usuário. Então, para resolver a lentidão vamos iniciar somente os necessários como o Anti Vírus, drivers do SO e nada mais.
Vamos agora utilizar um processo que é válido tanto para o Windows 7 como para o Windows XP.
Em primeiro lugar clica-se no menu "iniciar" e na barra de pesquisa digita-se o seguinte comando: MSCONFIG – digita-se em letra minúscula e depois tecla-se "ENTER" de acordo com a próxima imagem:
Feito isso aparecerá uma janela com algumas opções, depois clica-se em "Inicialização de Programas" como mostra a seguinte figura:



Nessa aba aparece uma lista de todos os programas e aplicativos que iniciam junto com o SO, aqui no teste foi identificado todos os aplicativos desnecessários pelo nome como por exemplo o Acrobat, Adobe Updater, Steam, QuickTime e outros, todos esses aplicativos são utilizados diariamente, mas não há a necessidade deles iniciarem juntamente com o sistema, já que na hora que se precisa eles serão abertos, é aconselhável que, sejam deixados apenas os programas de Driver, Anti-virus e ferramentas do sistema marcadas, o resto desmarquem - aquelas que se tem dúvida sobre o que é são deixadas do jeito que estão - assim que forem desmarcados todos os desnecessários clica-se em "APLICAR" como mostrado na próxima figura.


Quando clicar em "APLICAR" aparecerá uma outra janela perguntando se deseja reiniciar o PC ou não, clique no box e escolha qual opção você quer.


TELA AZUL

Existe uma tal TELA AZUL do Windows que é mostrada quando há falhas ou erros nesse sistema operacional. Essa tela é famosa e vem aterrorizando muitos usuários que não sabem o que fazer da vida quando elas aparecem no seu PC.
Essa tela é conhecida na comunidade de TI como Blue Screen of Death. Quando isso acontece com o PC é provável que você tenha adicionado recentemente um programa, dispositivo, driver ou aplicativo que a sua máquina simplesmente não aceitou.

Em alguns casos, basta reiniciar o PC e o problema é resolvido. Em outras ocasiões, isso não é o suficiente – você reinicia, o Windows é carregado e o computador falha novamente. A Restauração de Sistema é uma ferramenta do Windows XP e Vista que captura instantâneos da configuração de seu computador ao longo do tempo. Se você estiver no meio de uma instalação ou configuração e encontrar problemas, essa ferramenta pode voltar o Windows ao estado anterior ao que ele estava antes de parar de funcionar, sem afetar nenhum de seus dados. Nesse BLOG existe um Post ensinando como usar a Restauração do Sistema.

sábado, 1 de outubro de 2011

WINRAR

O WinRAR é um dos mais conhecidos e eficientes compactadores, sendo destacado pela compatibilidade com diversos formatos. Além disso, ao utilizar o programa você tem mais espaço disponível para armazenar vários tipos de arquivos no seu computador – logicamente, documentos compactados ocupam bem menos espaço, aumentando assim a quantidade de arquivos armazenados.

O programa também se destaca na velocidade e eficiência de compactação. Além da descompactação, que está 30% mais rápida em relação às versões anteriores, o aplicativo engloba recursos que o tornam cada vez melhor do que o WinZip, seu principal concorrente.

A os usuários que ainda não estão acostumados com sua tecnologia, o aplicativo fornece dicas e tutoriais que auxiliam durante o uso de qualquer uma de suas funções. Entre os formatos compatíveis com o programa estão o ZIP, RAR, ACE, BZ2, JAR, LZH, 7Z, TAR entre outros.

Entre as novidades da versão mais nova do programa, a principal é o método de trabalho com a extensão ISO, tornando assim mais fácil a manipulação de grandes arquivos, caso dos filmes no formato Blu-ray.

Eu acho interessante também, saber que esse ótimo aplicativo pode ser encontrado e baixado facilmente pela Internet para uso GRATUITO.

O uso gratuito deixa o aplicativo com algumas limitações, mas não chega a atrapalhar porque o básico consegue-se fazer tranquilamente.

PHOTOSCAPE

O Photoscape é um programa versátil para se trabalhar com imagens das mais variadas formas, incluindo as funções de vários outros programas gráficos num único arquivo de mais ou menos 15 MB para baixar.


Para você ter uma noção do que o PhotoScape é capaz, saiba que ele reúne ferramentas de edição individual ou em massa, captura de tela, visualização, combinação, impressão, conversão e até criação de animações GIF, organizadas de uma maneira prática e voltada para atender todos os tipos de usuários.

Suas ferramentas são descomplicadas e ideais para trabalhos rápidos, não exigindo procedimentos complexos em nenhuma das seções do programa. Por isso, se você quer organizar suas fotos com facilidade e deixá-las prontas para imprimir ou guardar no computador, PhotoScape é uma opção leve e gratuita que você pode aproveitar.

Esse programa é facilmente encontrado na net. Baixe, instale e veja as várias ferramentas que ele disponibiliza. Também acho muito fácil sua utilização.

ATIVANDO O GERENCIADOR DE TAREFAS

Se por algum motivo o Gerenciador de Tarefas do seu PC desativar vai aqui uma solução básica para que ele volte ao normal, ou seja, para que ele seja ativado novamente.
Siga os seguintes passos para ativar o gerenciador de tarefas:

MENU INICIAR
EXECUTAR
Digite sem aspas: "gpedit.msc"
Na janela que apareceu clique em Configurações de usuário
Depois em Modelos Administrativos
Sistema
Opções de CTRL+ALT+DEL
Do lado direito desmarque a opção Remover Gerenciador de Tarefas

Valeu!!

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

O CABO DE DADOS

Nesta bendita área de informática temos que ser atentos a tudo. As menores coisas podem causar problemas que juramos ser algo “muito grave”.
Já arranquei muitos fios de cabelo com esse tipo de coisa e tenho certeza de que vou arrancar muito mais.
Eu estava bem tranqüilo formatando um PC quando o meu celular toca. A pessoa que me ligou pediu que eu comparecesse à sua casa pois a sua impressora multifuncional da HP Deskjet F4480 não estava funcionando legal. O scanner da máquina não estava funcionando. Começava mas não terminava e dava uma mensagem de erro. No entanto, com a experiência que tenho logo imaginei que fosse problema com o programa ou driver da impressora, pois esta era nova e a cliente falou que nunca tinha usado o scanner.
Desinstalei e instalei drivers e programas da impressora e nada. O problema persistia sempre. O pior é que a impressora tirava cópias (xerox) perfeitamente.
Ao usar o scanner a tela do PC mostrava a mensagem de erro: 4,[0,12,80004005),(2,7,8004007),(3,7,0)] erro do scanner.
Já pensando em formatar e reinstalar tudo, perguntei a cliente se a impressora era nova mesmo, ela me respondeu que só o cabo de dados que tinha sido da outra impressora, uma Lexmark.
Eu logo pensei: se fosse problema no cabo a impressora também não tiraria cópia nem imprimiria outros arquivos. Mas por via das dúvidas resolvi pegar o cabo do meu scanner e substituir. NÃO É QUE TUDO CORREU BEM? Funcionou redondinha.
É isso amigos, tem que ser testado tudo, nos mínimos detalhes.

sábado, 24 de setembro de 2011

A TELA DO COMPUTADOR FICOU DE CABEÇA PRA BAIXO

            Pode acontecer de alguma criança brincando com o teclado do computador. Nós mesmos, vez por outra, impacientes com alguma coisa ou por acidente, batemos no teclado do PC e daí pressionamos sem querer duas ou mais teclas. As causas podem ser as mais variadas. Uma delas é comum, é a tela do computador virar de cabeça pra baixo. Isso pode acontecer em determinados tipos de hardware no XP. Não é um problema que mereça tanta preocupação.
            Para resolver isso, basta acionar simultaneamente ctrl e alt + seta para cima ou parra baixo para girar a tela.
            É uma boa dica para dar susto no pessoal. Você coloca a tela de cabeça pra baixo e é só esperar uma vítima. Mas atenção: Não são todos os hardwares que suportam esse processo.

sábado, 17 de setembro de 2011

ALGUNS DEFEITOS E POSSÍVEIS CORREÇÕES NO PC

Levando em consideração a grande quantidade de componentes diferentes de software e hardware que precisam funcionar corretamente para se ligar um PC moderno, é incrível que eles funcionem tão bem. Aqui não tem a solução para todos os problemas, mas tem informações que ajudam muito.
Aqui vão algumas dicas e estratégias úteis que cobrem a maior parte dos problemas no PC.

SE O SEU PC NÃO QUER LIGAR: Tente ligá-lo em uma tomada ou régua de força diferente; se for um laptop, tente uma bateria e um adaptador de força diferentes, se tiver outro em mãos. Para desktops, tenha certeza de que todos os plugues internos e placas estejam corretamente encaixados – placas de vídeo, memória RAM, tudo.
Se nada disso ajudar, é provável que seja um problema com sua placa-mãe ou fonte de alimentação, e a não ser que você tenha peças reserva em mãos, o melhor a fazer será ligar para o suporte técnico do fabricante.

SE O SEU PC LIGA, MAS NÃO INICIA CORRETAMENTE O WINDOWS: Primeiro inicie o boot e aperte a tecla F8 repetidamente durante o processo. Isso talvez permita que você acesse um menu que o deixe selecionar diferentes opções de boot, sendo que uma delas é “Modo de Segurança” (Safe Mode).
Selecione “Modo de Segurança”, desinstale a última coisa que tenha instalado, atualize todos os seus drivers (se precisar baixar novos, talvez você tenha de selecionar “Modo de Segurança com Rede" - Safe mode with networking), e abra o aplicativo Restauração do Sistema (Menu Iniciar, Acessórios, Ferramentas de Sistema, Restauração do Sistema) para voltar a um ponto anterior em que seu PC poderia ser iniciado com sucesso.
O Modo de Segurança não funciona? Talvez o seu disco rígido esteja falhando. Pegue os seus discos de recuperação do fabricante, faça o boot a partir deles, e salve todos os dados que você não tenha feito backup.
Então rode seu applicativo de diagnóstico de disco – você sempre pode rodar o Check Disk, que está integrado ao Windows: clique com o botão direito em seu HD, selecionar Propriedades, clicar na aba Ferramentas e depois em “Verificar Agora” na aba “Verificação de Erros”. Não existe cura para setores ruins – nesses casos você terá de trocar o drive.
Se você escutar seu PC emitindo alguns bipes durante o processo de inicialização, é mais provável que sua BIOS esteja tentando dizer que você tem um problema no nível da placa-mãe de seu computador – o ventilador do seu processador talvez esteja desligado, por exemplo, ou a fonte de alimentação talvez não esteja funcionando corretamente.
Os padrões dos bipes não seguem uma regra, por isso você vai ter de ir até outro PC para descobrir o site do fabricante da sua BIOS e verificar o que há de errado.
Se o Windows iniciar com sucesso, e sofrer um crash em seguida: Comece atualizando todos os seus drivers – primeiro, os drivers essenciais fornecidos pelo fabricante do seu computador, e então os drivers dos seus periféricos e extras. Além disso, não se esqueça de também atualizar sua BIOS.
Se o seu PC está sofrendo crash logo depois de iniciar, tente desinstalar tudo que você baixou recentemente e verifique seus aplicativos de inicialização e processos de segundo plano para descobrir se há algo errado.
Você pode ver uma lista de todos os processos no Gerenciador de Tarefas ao pressionar Ctrl-Shift-Esc e clicar na aba Processos (Processes) – use o site ProcessLibrary.com como uma referência para descobrir o significado dos itens os mais obscuros. Para os itens de inícialização, digite “msconfig” no campo de texto no menu iniciar e clique na aba Inicialização de Programas para ver o que está acontecendo. Se aparecer algo instalado há pouco tempo, você talvez tenha achado o culpado.
Se os seus crashes não são tão simples de reproduzir, tente rodar uma varredura em busca de vírus e malware com seu antivírus preferido.
Por outro lado, se você instalou um antivírus recentemente e começou a ter problemas, tente desinstalá-lo e então usar um diferente. Aplicativos de segurança geralmente entram nos locais mais profundos do seu sistema do que outros apps, o que significa que eles são mais propensos a incompatibilidade.
Ainda não consegue descobrir o que é? O Google pode ser seu melhor amigo quando o assunto é localizar e corrigir erros, especialmente se você tem uma mensagem de erro à mão – mesmo que os sites de suporte oficiais não tenham resolvido seu problema, existem chances de que alguém tenha feito um post sobre o assunto em um fórum de tecnologia.
Busque especificamente pela mensagem de erro – entre aspas – para melhores resultados, e se você não conseguir uma mensagem imediatamente óbvia, tente procurar no item Encontrar e Corrigir Problemas (no Windows Vista). No Windows 7 abra o Painel de Controle, Central de Ações, Manutenção, Histórico de Confiabilidade, e clique em Ver Todos os Relatórios de Problemas na parte inferior da janela.

Se não conseguir nenhuma pista, a solução é reinstalar o Windows. Faça backup de seus dados, formate, e instale do zero.

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

CÓPIA DE SEGURANÇA

Muitas pessoas que têm um vídeo-game PS2 em casa ou quem tem locadora de vídeo-game, as vezes enfrenta um pequeno problema: o jogo arranhou e agora? Eu mesmo já passei por esse tipo de preocupação. Tenho uma locadora com dois vídeos-game PS2 e, com o uso às vezes acidentalmente, acontece de arranhar algum jogo e ter que comprar outro igualzinho. A solução para isso é ter em casa um PC com configuração razoável e nele um programa chamado ImgBurn.
NÃO ESTOU INCENTIVANDO PIRATARIA, até PORQUE PIRATARIA é crime. Só estou dizendo que para não ter que estar comprando sempre os mesmos jogos, você grava os seus jogos no PC no formato ISO e, quando algum jogo arranhar você só faz a gravação do jogo para um DVD virgem e pronto.
Eu uso esse programa para fazer backups dos meus jogos e nunca tive problema nenhum, todos rodam direitinho no PS2.
O ImgBurn cria imagens ISO no PC e com esse mesmo programa gravamos essa imagem para um DVD, fazendo assim cópias idênticas. Faça essas gravações apenas para uso pessoal.



O programa é encontrado grátis na Internet e é muito fácil de utilizar:
Dê um duplo clique no ícone do programa
Vá em (com o jogo a ser copiado no drive) Create image file from disc e escolha o local onde vai ser salva a imagem
Depois (já com o DVD virgem no drive) vá em Write image file to disc, selecione a imagem no local onde foi salva e OK
ATENÇÃO: PIRATARIA É CRIME E DÁ CADEIA. Use esse programa somente para fazer Backups importantes para que possam ser guardados.

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

HIREN'S BOOT CD

Eu sempre gosto de ficar na internet vasculhando atrás de programas e outras coisas interessantes. Então encontrei uma coletânea que me chamou a atenção, o Hiren’s BootCD. É uma imagem que você grava num CD e é usada quando o PC não está dando Boot. Inicializa-se o PC com esse CD e o Boot é feito pelo CD, onde existem Mini-Sistemas Operacionais e uma relação de programas destinados à correção e recuperação do sistema operacional. Além da grande quantidade de programas para manutenção do computador.
Essa é a idéia do Hiren’s BootCD, disco que reúne cerca de uma centena de aplicativos que são itens obrigatórios na pasta de qualquer técnico em informática. A coletânea inclui desde removedores de vírus e malwares até recuperadores de disco rígido e ferramentas de backup.
Um dos destaques do Hiren’s BootCD são os minissistemas operacionais contidos nele. Dentro do disco, é possível encontrar os Windows 98 e XP em versões menores, prontas para serem rodadas diretamente do drive.
Veja agora dividido em categorias a maioria dos programas. É compatível com todas as versões do Windows. Alguns softwares para Linux também estão inclusos no pacote, e há também poucos programas em versão de demonstração.
SISTEMA OPERACIONAL PORTÁTIL
FERRAMENTAS DE PARTIÇÃO
RECUPERAÇÃO DE ARQUIVOS
SEGURANÇA
FERRAMENTAS PARA TESTES DE HARDWARE
O Hiren’s BootCD está disponível em formato ISSO, pronto para ser gravado em um CD. Caso deseje, o usuário pode rodar o pacote diretamente do computador com a ajuda de programas como o Daemon Tools, que simulam um drive virtual.
Essa é a idéia do Hiren’s BootCD, disco que reúne cerca de uma centena de aplicativos que são itens obrigatórios na pasta de qualquer técnico em informática. A coletânea inclui desde removedores de vírus e malwares até recuperadores de disco rígido e ferramentas de backup.
Eu recomendo. O Hiren’s BootCD é capaz de lhe ajudar a operar alguns milagres. É facilmente encontrado grátis na internet.
Ricardo Freire da Silva

sábado, 3 de setembro de 2011

PARTICIONANDO HD

Além do particionamento do HD feito na hora da formatação, existe também uma outra forma que é o particionamento através de outros programas. Um desses programas é o Parted Magic, muito conceituado e usado. Além de particionar ele também faz muitas outras coisas como:
Formata discos rígidos internos e externos;
Move, copia, cria, apaga, expande e encolhe partições com facilidade;
Clona o disco rígido em poucos passos, o que é ideal para backups;
Testa os discos rígidos para verificar quaisquer falhas possíveis;
Testa a memória em busca de bad sectors;
Avalia o desempenho dos discos com ferramentas de benchmark apropriadas;
Apaga todo o conteúdo do HD com segurança, sem deixar nenhum rastro para trás;
Acessa pastas e dados de outros sistemas já instalados no HD, o que permite encontrar e recuperar informações.
O bom de tudo isso é que o programa não requer instalação, pois pode ser rodado diretamente da mídia com a função “Live CD”.

Como se faz:
Depois de baixado você terá que passá-lo para um CD, em seguida reinicie o computador com ele dentro, e o Parted Magic irá rodar como se fosse um windows, procure no Desktop a ferramenta Particion Editor e dê dois cliques nela, nesse arquivo vai mostrar seu computador em tamanho, pegue a "alavanquinha" e arraste até onde você quer dividir (particionar) o HD, feito isso reinicie o PC sem o CD dentro dele e aguarde o compudador fazer as alterações.
Está feito.

Ricardo Freire da Silva

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

PROGRAMA ESSENCIAL

Quem tem um PC o usa muito. Duvido que a pessoa que tem um computador passe ao menos um dia sem utilizá-lo. O computador pode ser usado das mais variadas formas, desde escutar música até comunicar-se com pessoas distantes e manter-se informado. No uso, vemos propagandas de programas, jogos e muitas outras coisas, daí vem a curiosidade de saber como funciona tal programa, se tal jogo é bom etc. Quando não gostamos do que instalamos em nossas máquinas logo desinstalamos. É isso que deixa o computador pouco a pouco mais lento e instável. Muitas vezes, quando instalamos programas e o desinstalamos ele não é apagado totalmente do PC, sempre fica algum vestígio (restos de arquivos), sem falar que, muitas vezes quando vamos desinstalar apagamos assim arquivos importantes do sistema, o que vai deixando o nosso PC recebendo avisos de erro e muitas vezes começam aparecer as terríveis TELAS AZUIS que vem trazendo informações de erros com letras e números os quais muitos não entendem absolutamente NADA.
Para corrigir a maioria desses programas eu uso um programa chamado Advanced SystemCare. Eu, particularmente, não encontrei outro melhor no sentido de corrigir erros de sistema e muitas outras tragédias que deixam o PC dando dor de cabeça.
Além de ser facílimo de ser utilizado vejam só o que ele é capaz de fazer:
Busca Completa de Malwares;
Reparação Profunda do Registro;
Otimização do Sistema;
Reparação de Atalhos;
Limpeza de Privacidade;
Limpeza de Arquivos Temporários;
Defesa Passiva;
Verificação de Disco;
Reparação de Vulnerabilidade;
Desfragmentação de Disco
Esse programa faz isso tudo e muito mais. É muito bom mesmo, digo isso porque eu o uso já faz algum tempo. Pode também ser usado no modo offline
É muito importante informar também que ao instalar pode-se escolher em que língua você quer usá-lo, tendo a opção PORTUGUÊS. Não é o máximo?
Quem quiser pode baixar e usar que é GRÁTIS. Aconselho a todos por ser um programa muito confiável e de muito fácil utilização.
Resumindo: é um programa essencial a todos que possuem computadores.

Ricardo Freire da Silva